Ocorreu um erro neste gadget

30/08/2011

Dia da igualdade da mulher

Durante o século passado, as mulheres quebraram tabus e ocuparam espaços no mercado de trabalho, atendendo as suas necessidades pessoais e familiares e, mais recentemente, atingindo a realização pessoal. Seus papéis se acumularam e o estereótipo de “Super Mulher” se tornou quase um modelo para as mulheres de todas as idades e classe sociais.

Hoje em dia a superação das desigualdades entre meninos e meninas começa no acesso a escola. A educação é fundamental para a valorização e capacitação de mulheres que ocupam cargos cada vez mais ativos, sejam na economia, na política, na sociedade ou no desenvolvimento pessoal.

Ainda no Brasil mulheres que exercem a mesma função que homens chegam a ganhar salário inferior.

O que podemos fazer para promover a igualdade entre os sexos e valorizar o direito das mulheres.
 Apoiar programas de melhoria para qualificação profissional.
Valorizar o trabalho da mulher, procurando criar as mesmas igualdades sociais entre os gêneros.
Criar e divulgar centros de atendimento para mulheres que sobre violência física e psicológica.
Divulgar centros de apoio para novas oportunidades de trabalho voltado para as mulheres.
Apoiar ações sócias que estimulam as mulheres a buscar alternativas de geração de renda.
Educar os filhos e filhas sobre a igualdade entre gêneros.
Não impor expressões como “isso é coisa de mulher” ou “isso é coisa de homem”, que seja contra a dignidade de ambos os sexos, ou que coloquem em situação de inferioridade.

Denunciar casos de violência e abuso sexual pelo disque denuncia da policia civil.

Elaborar atividades em prol da melhoria de auto-estima das mulheres promovendo a valorização e o respeito.
PIB7 JOINVILLE